Pudim de baunilha

Mais uma partilha de uma receitinha doce retirada de um dos livros do meu chef de eleição o Sr.  Jamie Oliver, gosto tanto dele como deste pudim :)


Ingredientes:
55 grs de manteiga 
115 de açucar
2 colheres de  sobremesa de essência de baunilha 
1 colher de sopa de amêndoa em pó
2 ovos
80 grs de farinha com fermento
280ml de leite


Juntar as gemas com a manteiga amolecida e o açúcar, mexer bem, colocar a baunilha, a amêndoa a farinha peneirada e o leite, envolver tudo muito bem e numa tigela à parte  bater as claras em castelo, envolver com o preparado e deitar tudo num pirex untado, levar ao forno em banho maria durante 45 minutos a 180º.


Fica muito fofinho, bom fim de semana!

Sapateira

Já que estamos numa de marisco, segue a minha versão de patê de sapateira para relembrarmos os tempos de verão... Que saudade de passear na praia e acabar numa daquelas tasquinhas e comer um bom marisco.
Ingredientes:
1 sapateira
1 ovo
2 colheres de chá de maionese
4 cornichons cortados em pedaços pequenos
1 colher de chá de mostarda dijon
pimenta q.b
coentros q.b
tabasco q.b.
2 colheres de chá de vinagre de cidra

Colocar a sapateira em água a ferver uns minutos até cozer, retirar do lume e reservar. Cozer 1 ovo e reservar também até arrefecer. Depois segue o processo de abrir a dita cuja e retirar todo o miolo da casca. Normalmente é trabalho do meu marido pois ele tem uma paciência de santo para essas coisas. Assim que retirar todo o miolo colocar num recipiente onde vai juntar o ovo picado em pedaços pequenos, os cornichons, a maionese, a mostarda dijon e  o vinagre de cidra, mexer bem até  ficar tudo envolvente, tempere com a pimenta, o tabasco e os e coentros, pode colocar no frigorífico até a hora de servir.

Sei que normalmente esta receita leva cerveja, mas confesso que o sabor me enjoa um pouco , em opção coloquei o vinagre de cidra e achei que resulta bastante bem.

beijos da Marmita

Esparguete c/ frutos do mar e lima

Queria agradecer a todos pelas bonitas mensagens que me enviaram, acreditem que ajuda muito nesta altura tão triste da minha vida, obrigada! Hoje trago um esparguete rápido.
Ingredientes:
1/2 cebola
1 dente de alho
1 tomate maduro
azeite q.b.
sal e pimenta q.b.
2 colheres de chá de molho de sésamo
2 colheres de chá de sopa de marisco em pó
1 lima
oregãos, coentros e cebolinho fresco
esparguete q.b.
1 embalagem de marisco congelado

Num tacho deitar cozer o espaguete com um pouco de azeite e sal até ficar al denti.

Na wook colocar a cebola, alho, azeite e o tomate e deixar refogar até a cebola ficar transparente. Colocar o marisco, temperar com o sal a pimenta, o molho de sésamo, e a sopa de marisco... se vir que necessita de um pouco de àgua utiliza a do esparguete que está quentinha, deixe o marisco cozer e regue com as ervas aromáticas e a lima. Ponha no minino e saltei o esparguete já cozido até ficar envolvido com o marisco, coloque numa travessa com um pouco mais de ervas e lima.

Fica um esparguete muito leve e saboroso, a lima faz toda a diferença!
beijos da marmita


Sopa de Agrião

Em alturas tristes a minha mãe sempre diz que uma sopinha consola o coração e lá isso é verdade. Por isso aqui vai uma das minhas sopas preferidas para consolar o meu coração que bem precisa. Vou tentar postar algumas coisinhas nos próximos tempos porque este blog ainda é o que me "arrebita"nestes dias.


Ingredientes:
2 cenouras
1 dente de alho
1/4 de uma cebola
1 alho francês
200 grs de abóbora
coentros q.b.
água q.b.
1 molho de agrião
sal e azeite q. b.

Cortar os ingredientes em pedaços pequenos e meter ao lume em água, deixar cozer bem cozido  e passar com a varinha mágica. Colocar o agrião e deixar cozer bem, temperar com sal e azeite.

Muffins de banana e gengibre

Hoje trago mais um docinho para o fim de semana,  uma receita  tirada do novo livro do Chakall, mas com algumas alterações, é óptimo para ir petiscando no trabalho drurante a tarde.

Ingredientes:
250 grs de farinha de trigo
2 colheres de café de fermento
100 grs de açucar branco
50 grs de açucar mascavado
1 banana madura
1 cm de gengibre ralado
100 grs de manteiga derretida
150 grs de natas
2 ovos
1 colher de sopa de mel

Pré aqueça o forno a 200º.
Juntar a farinha com o fermento, os açucares e o gengibre. Num recipiente à parte colocar os ingredientes liquidos: a amanteiga, os ovos, o mel e as natas, bater tudo muito bem e juntar à farinha (peneirar) colocar os ingredientes sólidos com os liquidos, mexer tudo bem. Cortar a banana em pedaços e colocar, juntar tudo e deitar nas forminhas untadas ou com papel. colocar no forno 25 minutos.

Francesinha da Marmita

Hoje trago umas francesinhas, acho que uma boa francesinha à moda do Porto é quase impossível comer aqui por Lisboa, por isso tentei fazer uma à minha maneira e com basicamente o que tinha em casa, acho que vocês já sabem que gosto de inventar com o que tenho por casa.

Francesinhas para 2

Ingredientes molho:
1/2 cebola
1 tomate maduro
1 dente de alho
1 folha de louro
1 fio de azeite
1/2 caldo de knorr (legumes)
200ml de cerveja
125ml de leite
125ml de àgua
2 colheres de sobremesa de açucar amarelo
tabasco q.b.
sal e pimenta

Sandes:
4 fatias de pão (1,5 cm de altura)
2 bifes de peru
2 ovos
4 cogumelos
6 fatias de queijo brie
parmesão q.b.
queijo mozzarella ralado q.b.

Comecei pelo molho, refogando a cebola com o tomate, dente de alho, a folha de louro e com um fio de azeite. Depois acrescentei os líquidos: o caldo de knorr, a cerveja, a agua e o leite e dexei apurar o molho, depois de apurado, temperei com o sal a pimenta, o tabasco e o açucar mexendo bem. Retirei a folha de louro e passei o molho com a varinha mágina, mais uns 3 minutos em lume brando e já está.

Entretanto já tinha as fatias do pão torrado, grelhei um bife de peru e os cogumelos temperados apenas com sal, cortei umas fatias de queijo brie, uns cornichons (tal como na imagem) De seguida foi o ovo estrelado (frito dos 2 lados) apenas para não rebentar, ralei um pouco de queijo parmesão por cima do ovo e coloquei a fatia que falta de pão com o queijo mozzarella por cima. Coloquei no forno uns 10 minutos a 180º, apenas para o queijo derreter e reguei com o molho e o resto já sabem.. é só comer :)

Filetes de pescada c/ tomate e cogumelos

Hoje trago uns filetes no forno, algo prático para fazer depois de um dia de trabalho quando n se tem grande paciência e nos apetece um peixe tenrrinho.
Ingredientes
4 filetes congelados
1 tomate maduro
2 cogumelos grandes
1 dente de alho
salsa em pó
sal e pimenta e azeite qb

Pré aqueça o forno a 170º, num pirex coloque os filetes temperados com sal pimenta. A parte corte o tomate, os cogumelos e o alho em pedaços bem pequenos e coloque por cima do peixe tal como vê na imagem, tempere novamente com um pouco de sal, pimenta e salsa em pó, regue com um fio de azeite e leve ao forno aproximadamente 25 minutos.

Espero que gostem e um bom dia de reis para todos.
Marmita

Galette de Rois



Para festejar o dia dos Reis que é já dia 6 deixo uma sugestão de uma Galette de Rois que em França é uma tradição  pela altura do fim de ano e como cá em casa existem origens Francesas toca a trazer mais um docinho que nestes dias sabem tão bem. 


Ingredientes:
2 embalagens de massa folhada
125 grs de manteiga (derretida no microondas)
125 grs de amêndoa moída em pó
125 grs açúcar
    1 colher de sopa de rum 
    2 ovos (1 gema)

Pré aqueça o forno a 180º, forre uma tarteira com papel vegetal e coloque a massa por cima fazendo uns furos na base com um garfo.
Misture a manteiga com o açúcar até ficar cremoso, coloque depois os ovos um a um e a amêndoa, volte  a mexer e por fim a colher de rum.
Verta tudo por cima da massa folhada e com cuidado coloque a outra embalagem da massa sobre a amêndoa, fechando bem as pontas com ajuda de água, pincele a gema por cima da massa folhada e coloque no forno durante 30 minutos ou até a massa folhada atingir uma cor como a imagem.

Bom dia dos reis para todos.
Marmita




Ostras à marmita

Nada melhor para começar o novo ano do que umas ostras bem fresquinhas, normalmente comemos apenas com  sumo de limão no entanto desta vez decidi "inventar" um bocado, espero que gostem das minhas variações e que este novo ano traga tudo de bom para vocês.

Comecem por abrir as ostras com cuidado.. eu pedi ao marido, porque sou um bocado "naba" nestas coisas. Se tiverem a faca das ostras é óptimo, se não abram com uma faca pequena calçando uma luva de cozinha (vejam aqui) explica muito bem como fazer, depois de aberta é dar asas à imaginação.

Com lima e cebolinho

Com malagueta e vinagre balsâmico

Com alho e vinagre de vinho tinto

Com vinagre de cidra e sementes de sesamo pretas (obrigada Recipe Box and Co. pelas sementes)

e com limão.