Caril de camarão e arroz de couve-flor


Não me lembro de termos uma primavera tão tristonha como esta, poucos foram os dias em que deu para calçar sapatos abertos, volta e meia chove. Todos os dias ouço na rádio a meteorologia e a Vanda Miranda a pedir tal aclamado sol - SIM, adoro a M80 e a música que se fazia nessa altura, sou cota! Acho que o nosso povo está habituado a aproveitar estes feriados de junho para ir até à praia e comer os belos dos caracóis numa esplanada e não andar de casaco de malha e sapatos fechados.

A ver vamos como correm as próximas semanas, por aqui trago um bocadinho de sol para vocês! Um caril de camarão leve, fresco e com muito sabor.

Votos de uma boa semana para todos com muito sol lá fora.



. Receita para 2 adultos e 1 bebe . 

Ingredientes caril:
1 fio de azeite
1 alho francês (parte branca)
1 curgete
2 dentes de alho 
8 camarões selvagens
1/2 colher de sopa de italian spice
1/2 colher de sopa de azeite
1 colher de sopa de caril
100ml de água
250 leite de coco bio
Sal e pimenta

Numa wok coloque um fio de azeite e unte toda a base com papel aderente, deixe aquecer e junte um dente de alho, saltei uns segundos e adicione os camarões previamente descascados e picados, tempere com sal e a especiaria italiana, retire e reserve.

Numa caçarola pequena adicione um fio de azeite, o caril deixe aquecer um pouco mas sem deixar queimar e junte o alho francês, saltei um pouco, junte o dente de alho e por fim a curgete (sem casca) em cubos pequenos. Deixe cozinhar uns minutos e por fim regue com o leite de coco.

Tempere com sal, pimenta e antes de servir  já fora do lume, junte os camarões e envolva.

Ingredientes arroz:
1 couve-flor
1 dente de alho
1 fio de azeite
coentros frescos q. b.
nozes q. b.

Num robot de cozinha coloque todos os ingredientes e pique 2 a 3 segundos na velocidade turbo. Não pique em demasia para não ficar um puré. A consistência que se pretende é que fique como a da imagens, "tipo areia molhada".

Na wok onde fritou os camarões junte um fio de azeite a couve-flor e saltei uns minutos, até sentir que a couve fique crocante.

Sirva com uns coentros frescos picados e uns frutos secos a gosto.



Sem comentários:

Enviar um comentário